FecharX

Festival Casa Branca Fest reúne arte e cultura durante 7 dias de programação

Evento conta com Grupo Trampulim, jams sessions de Maurício Tizumba, pintura ao vivo de um painel por Clara Valente e instalação de uma escultura cinética de Brígida Campbell no espaço público do vilarejo



Créditos da imagem: Viewtiful
Main casabrancafest clara valente creditosviewtiful
No domingo (27), a artista visual Clara Valente irá realizar uma pintura de painel ao vivo
Redação Sou BH
20/06 às 07:40
Atualizado em 20/06 às 07:57

A partir deste domingo (20), um corredor de faixas com trechos de poesias e frases inspiradoras darão as boas vindas a quem entra e a quem sai do pequeno vilarejo Casa Branca, localizado na zona rural de Brumadinho, na Grande BH. Trata-se de uma das intervenções do 2º Festival de Arte e Cultura de Casa Branca, que ao longo de uma semana vai promover instalações, ocupar a programação da Rádio Guará e realizar, no próximo domingo (27), seis horas consecutivas de programação de shows e apresentações ao vivo transmitidas pelas redes sociais. Maurício Tizumba e convidados como Vitor Santana e Danusa Menezes são algumas das atrações, além do Grupo Trampulim e um recital de vídeo-poesias com Brisa Marques e outros escritores e artistas plásticos. 

Entre as atrações de artes visuais, está a instalação "O movimento sutil das coisas", de Brígida Campbell. A escultura cinética, que tem dimensões 80x80cm e um suporte de aproximadamente dois metros de altura, será colocada na praça do bairro Jardim Casa Branca. Já Fred Paulino, em colaboração com o Coletivo Birulei, prepara uma obra digital com realidade aumentada batizada de "A árvore dos sonhos", usando como suporte o tronco da paineira, símbolo do festival, que se localiza na praça principal do vilarejo. E as integrantes do Confio Ateliê Criativo, projeto desenvolvido para atender mulheres e adolescentes atingidas pelo desabamento da barragem do Córrego do Feijão, farão uma instalação em crochê no principal ponto de ônibus de Casa Branca.

Uma das principais atividades da programação ocorrerá durante toda a semana, com cinco edições diárias consecutivas: o especial da Rádio Guará - A Voz de Brumadinho, canal de Youtube organizado e apresentado pelo ator e diretor Adyr Assumpção (morador de Casa Branca), terá como convidados os curadores e artistas participantes do festival. O programa acontece tradicionalmente duas vezes por semana, às 6 da manhã, e é conhecido no vilarejo pelo jargão “Acorda, Brumadinho!”.

O Casa Branca Fest surgiu logo após o rompimento da barragem no Córrego do Feijão para contribuir com a restauração econômica e social da comunidade por meio da arte e da cultura. A primeira edição, em 2019, teve dois dias de programação, gerando renda para o município e para o comércio gastronômico e hoteleiro local. Esta edição também realizou o protesto “Ato em memória: Somos todos atingidos”, para denunciar o rompimento da barragem da mineradora Vale.

Por meio de sua programação, o Casa Branca Fest colabora também para restabelecer a autoestima da população, gera articulações entre a comunidade e propõe alternativas de desenvolvimento por meio da economia criativa: o turismo ecológico (visitação consciente a trilhas, cachoeiras), a sustentabilidade (novas formas de ocupação espacial e econômica) e a valorização do comércio local.

Programação

20/06  - Instalações no espaço público de Casa Branca

Brígida Campbell - O movimento sutil das coisas

Escultura cinética a ser instalada na praça do bairro Jardim Casa Branca. Dimensões aproximadas da escultura = 80 x 80 cm, com um suporte em torno de 2m.

Ateliê Confio - Instalação com crochê no ponto de ônibus

O ponto de ônibus referencial do vilarejo, na Praça São Sebastião, será decorado pelas artesãs do Ateliê Confio (Casa Branca / Córrego do Feijão), utilizando fios e técnica de crochê.

Fred Paulino e Coletivo Birulei - A árvore dos sonhos

Intervenção digital com realidade aumentada (AR) - mensagens enviadas pela comunidade serão vistas em cartazetes “virtuais” (via celular) no tronco da paineira gigante localizada na Praça São Sebastião, árvore-inspiração para o símbolo do festival.

Corredor poético

Faixas de rua inspiradoras instaladas na entrada do vilarejo.

21 a 25/06 - Programa de rádio

Rádio Guará 

Todos os dias, às 6h, edição especial da Rádio Guará - A Voz de Brumadinho, com apresentação do ator e diretor Adyr Assumpção e transmissão pelo Youtube do festival e do site http://casabrancafest.com.br.

27/06 - 11h às 17h - Live

Transmissão de seis horas consecutivas de programação, em tempo real, por meio do canal no Youtube do festival e do site http://casabrancafest.com.br.

A programação online contará com:

Shows musicais e jam sessions com Tizumba, Danusa Menezes, Frederico Herrmann, Regina Souza, Patrícia Lobato e Renato Motha, Thais & Thainara e Vitor Santana; Apresentações de palhaços: Grupo Trampulim e Palhaço Popó; Performances: Izabel Stewart e Tarcísio Homem; Live painting (pintura de painel ao vivo) com a artista visual Clara Valente; Recital de vídeo poesia por escritores e artistas plásticos: Brisa Marques, Julia Panadés, Luciana Tanure e Odilon Esteves. Parlatório para militância sobre questões relacionadas ao meio ambiente, por convidados atuantes na região de Brumadinho.