FecharX

Na Páscoa, consumidor vai pagar pelo formato do chocolate

<p>Ovo custa até 6 vezes mais que a barra</p>



Créditos da imagem:
Main grey
Redação Sou BH
12/08/14 às 10:38
Atualizado em 01/02/19 às 17:46

A três semanas da Páscoa, os ovos de chocolate já estão espalhados pelos supermercados da cidade. Entretanto, nessa época, o consumidor acaba pagando caro pelo formado do chocolate. Segundo uma pesquisa do Tempo Online, que comparou ovos de várias marcas em duas grandes redes varejistas, os ovos de páscoa custam até seis vezes mais que uma caixa de chocolate ou uma barra da mesma marca.

Em um supermercado da região metropolitana de Belo Horizonte a caixa de bombom Especialidades Nestlé, que tem 400g, sai por R$ 6,48. Com 25g a menos, o ovo Especialidades, da mesma marca custa R$ 35,98.

Indignado com essa diferença expressiva entre os produtos, o consumidor tem usado as redes sociais para desestimular a compra de ovos de páscoa.

O problema é que, apesar de pesar mais no bolso, trocar o tradicional ovo por uma barra ou caixa de chocolate não é uma tarefa fácil para muitos consumidores, que acabam envolvidos com a festividade. As crianças, não abrem mão do ovo e, principalmente, dos brinquedos que acompanham o chocolate.

De acordo com a matéria, os grandes fabricantes de chocolate se justificaram. A Lacta disse, em nota, que a produção de um ovo de chocolate é mais artesanal e cada um deles é embalado manualmente. Já a Nestlé/Garoto, destacou que a estrutura envolvida na fabricação dos ovos, como o custo de embalagem, é maior - logo, mais complexa que a do tablete.

Com informações do Tempo Online