FecharX

BH Cidade Criativa e Receptiva percorre bares e restaurantes da capital mineira

Evento apresenta chefs de Belo Horizonte e suas inovações gastronômicas



Créditos da imagem: Francisco Dumont
Main francisco dumont prancheta 1
Foram visitados estabelecimentos que estão se destacando no cenário belo-horizontino, seja por meio da valorização de ingredientes, por técnicas utilizadas, pela inovação ou mesmo pela tradição e a intersecção entre comida e artes visuais é apresentada pelo artista visual Marcus Paschoalin
Redação Sou BH
15/09 às 07:35
Atualizado em 15/09 às 07:35

Uma cidade criativa da gastronomia é feita de bares, lanchonetes e restaurantes. E, claro, cozinheiras, chefs, pequenos produtores e tantos outros. Para demonstrar toda a versatilidade gastronômica de Belo Horizonte, a segunda edição do BH Cidade Criativa e Receptiva da Gastronomia foi até as casas gastronômicas que estão movimentando a cena na capital mineira. A intenção é mostrar o que de mais interessante vem sendo feito nessas cozinhas e fogões. Com realização da plataforma Cumbucca, o evento online começa nesta quarta (15) e segue até segunda (20).

Foram visitados estabelecimentos que estão se destacando no cenário belo-horizontino, seja por meio da valorização de ingredientes, por técnicas utilizadas, pela inovação ou mesmo pela tradição. “Essa variedade é o que torna o cardápio de BH ainda mais rico e saboroso”, avalia Marcelo Wanderley, idealizador da iniciativa.

Por isso, a equipe Cumbucca foi até as casas gastronômicas de chefs que capricham em criações de petiscos e pratos, como Henrique Gilberto (Cozinha Tupis), Bruna Martins (Birosca S2), Leonardo Paixão (Ninita), André Paganini (Chico Dedé), Guilherme Lopes (Bitaca Capetinga) e Cristóvão Laruça (Caravela). A escalação de craques continua com Américo Piacenza (Cantina Piacenza), Rodrigo Fonseca (Taste-Vin), Caetano Sobrinho (Caê) e o bartender Igor Txai (Sakaná).

A harmonia entre gastronomia e demais setores da economia criativa ajudam a conferir à capital mineira esse ambiente de acolhimento e hospitalidade. Por isso, os apresentadores desta edição são pessoas que transitam por esses caminhos. Ao lado da consultora de estilo Constanza Fernandez, o objetivo é descobrir a relação da moda com gastronomia. Já a intersecção entre comida e artes visuais é apresentada pelo artista visual Marcus Paschoalin.

Viabilizado por meio de patrocínio da Belotur e da prefeitura de Belo Horizonte, o evento tem a intenção de ampliar a divulgação dos potenciais turísticos e gastronômicos da capital. “Somos uma cidade moderna e diversa, que traduz a síntese da gastronomia mineira. Reunimos sabores, saberes e ingredientes”, resume Gilberto Castro, presidente da Belotur.

Todo o conteúdo será publicado em youtube.com/cumbucca e cumbucca.com.br.