FecharX

Boutique Parrilla da Vila, no Buritis, lança almoço executivo com chorizo e filé mignon

O bife de chorizo é servido com massa de ervas finas. Já o filé mignon ao molho madeira é acompanhado com risoto quatro queijos. Ambos os pratos são vendidos a R$ 49,90



Créditos da imagem: Divulgação
Main 152542529 854017458496563 3877635413201918301 n
O almoço está disponível de segunda à Sexta das 11h às 15h, exceto feriado. Os pratos podemos ser consumidos no local ou retirados, na Avenia Aggeo Pio Sobrinho, 187, e também pelo delivery nos aplicativos Whatsapp, iFood e Rappi
Thiago Alves
03/05 às 11:51
Atualizado em 03/05 às 11:51

Inaugurada em fevereiro, a Boutique Parrilla da Vila, no Buritis, renovou o seu cardápio e lançou nos últimos dias pratos voltados para o almoço executivo com carnes nobres. O bife de chorizo é servido com massa de ervas finas. Já o filé mignon ao molho madeira é acompanhado com risoto quatro queijos. Ambos os pratos são vendidos a R$ 49,90.

Na faixa de R$ 24,90, são sete opções. O mexidão leva arroz, feijão, linguiça calabresa, bacon, ovo, torresmo e couve. O filé de frango empanado vem com arroz, feijão e legumes. Há também a opção do frango grelhado. O tutu é preparado do jeito mineiro e é servido com arroz, couve e costelinha de porco. O strogonoff de frango acompanha arroz e batata palha. O tropeiro é preparado com bacon, linguiça calabresa, torresmo, ovo e couve e, como não poderia faltar, o ovo frito. O prato também acompanha arroz. Por fim, a casa serve o espaguete ao molho sugo com almôndegas.

A casa conta também com pratos vendidos a R$ 34,90, como a picanha suína grelhada, a parmegiana e a coxa e sobre coxa de frango. Todos eles são servidos com arroz e feijão. O cliente também pode escolher um acompanhamento: batata frita, salada ou legumes grelhados. 

O almoço está disponível de segunda à Sexta das 11h às 15h, exceto feriado. Os pratos podemos ser consumidos no local ou retirados, na Avenia Aggeo Pio Sobrinho, 187,  e também pelo delivery nos aplicativos Whatsapp, iFood e Rappi.


Comentários