FecharX

Festival Fartura propõe intercâmbio gastronômico de todas as regiões do Brasil

Na capital mineira, foram escolhidos cinco restaurantes que trazem diferentes leituras da culinária mineira



Créditos da imagem: Divulgação
Main festival fartura prancheta 1
Além de jantares presenciais, que na capital mineira vão acontecer na quinta (21) e no sábado (23), o público poderá conferir até domingo (24) mais de 100 atrações virtuais com aulas, dicas, receitas, shows e artes cênicas no site da Plataforma Fartura
Thiago Alves
18/10 às 11:37
Atualizado em 18/10 às 11:37

Reunindo 120 chefs brasileiros em restaurantes de  Belo Horizonte, Belém, Brasília, Fortaleza, Porto Alegre e São Paulo, o 'Festival Fartura Gastronomia Du Brasil' busca fomentar o intercâmbio de experiências e sabores das cozinhas de todas as regiões do país. Na capital mineira, foram escolhidos cinco restaurantes que trazem diferentes leituras da gastronomia do estado: Nuuu, Casa da Agnes, O Jardim, Olga Nur e Cozinha Santo Antônio. Neles, o público poderá experimentar pratos criados com chefs vindos de Belém, Cuiabá, Pelotas, Recife e Rio de Janeiro.

“Esta é uma edição ambiciosa para o Projeto Fartura em que, ao mesmo tempo, receberemos 26 chefs de cada estado brasileiro em São Paulo cozinhando com anfitriões paulistas. Nas outras cinco capitais, receberemos chefs de diversas regiões do país que cozinharão com os anfitriões locais de cada cidade E ainda temos a programação online para que qualquer pessoa, em qualquer cidade, possa acompanhar”, comenta Rodrigo Ferraz, diretor do projeto.

Entre os pratos que o público poderá experimentar, está o palmito fermentado com Beurre Blanc, tucupi e queijo Tulha do menu que Caio Soter e Thomas Troisgros assinam juntos para O Jardim.

Além de jantares presenciais, que na capital mineira vão acontecer na quinta (21) e no sábado (23), o público poderá conferir até domingo (24) mais de 100 atrações virtuais com aulas, dicas, receitas, shows e artes cênicas no site da Plataforma Fartura. As aulas serão gratuitas e on-line, abordando suas especialidades na cozinha. Além disso, cerca de 20 chefs participantes compartilham conhecimento por meio de dicas úteis em vídeos curtos, com orientações preciosas sobre seu dia a dia na cozinha, além de curiosidades e conceitos gastronômicos. Nomes como Agnes Farkasvolgyi, Caio Soter, Ariani Malouf, Adriano Vilhena (Senac) e Mauro de Paula (Senac) dividem suas experiências e receitas.

No quesito musical, serão 50 shows, com grandes nomes nacionais e locais, todos online, para serem assistidos pelo público. A programação conta com nomes como Kiko Freitas Trio (Porto Alegre), BB Kramer (São Paulo), Alessandro Penezzi (São Paulo),  Cainã Cavalcante (Ceará), Samuel Rocha Quinteto (Fortaleza) e Instrumental Picumã (Porto Alegre). Além disso, serão 18 apresentações teatrais, também contemplando todas as regiões do Brasil. A curadoria artística do evento é feita em parceria com o SESC em Minas.

Outra iniciativa é a Mercearia Fartura, que abrange todo o território nacional, com produtos à venda de pequenos produtores em uma vitrine virtual. São mais de 50 produtores e juntos eles refletem a riqueza da culinária brasileira.

Programação presencial em Belo Horizonte

Quinta-feira (21)
Caio Soter, do O Jardim (MG) e Thomas Troisgros, do Le Blond (RJ);
Rodrigo Viana, do Olga Nur (MG) e Márcio Ávila, do Bistrô Pelotence (RS);

Sábado (23)
Guilherme Melo, do Nuuu (MG) e Pedro Godoy, do Arvo Restaurante (PE);
Agnes Farkasvolgyi, do Casa da Agnes (MG) e Ariani Malouf, do Mahalo (MT);
Ju Duarte, do Cozinha Santo Antônio (MG) e Daniela Martins, do Lá em Casa (PA);