FecharX

Guaja lança novo cardápio com foco em receitas vegetarianas e veganas

Quem frequentar a casa entre 9h e 15h, terá uma mesa completa à disposição



Créditos da imagem: Divulgação
Main unnamed  4
Novidades do Guaja: mesa buffet e cardápio que valoriza receitas veganas e vegetarianas
Thiago Alves
19/06 às 00:00
Atualizado em 19/06 às 00:00

Espaço compartilhado de trabalho e de lazer, o Guaja, no Funcionários, está com novidades no quesito gastronômico. Estreou tem poucos dias a mesa de buffet — que está sempre posta do café da manhã ao almoço — e o cardápio que valoriza ingredientes vegetais e sazonais desenvolvido pela Favo Hospitalidade, consultoria contratada pelo Guaja para esta nova fase.

Quem frequentar a casa entre 9h e 15h, seja para trabalhar, fazer reuniões, marcar um encontro ou almoçar, terá uma mesa completa à disposição, sendo 80% das opções veganas ou vegetarianas. O pagamento será apenas pelo tempo de permanência na casa. Depois das 15h, o restaurante passa a funcionar à la carte e a operação se prepara para o happy hour, sem a cobrança pelo tempo.

"Queremos manter o ambiente vibrante e acolhedor de sempre, mas garantindo uma experiência de excelência. Nesse sentido, entendemos que o modelo de buffet e pagamento pelo tempo, análogo ao que tivemos em 2016 e 2017, torna-se novamente a resposta ideal para conciliar todos os desafios de mantermos uma casa tão múltipla e diversa", conta Lucas Durães, arquiteto e fundador do Guaja.

Segundo Durães, neste formato, a comida ocupa um novo lugar na experiência: não é mais um detalhe ou uma possibilidade, mas uma realidade; ela deixa de ocupar o local de consumo e assume o lugar da partilha.

''Com um olhar funcional, acolhedor e atrativo, criamos para o Guaja um cardápio diferenciado e coerente, que prioriza ingredientes da estação e é, ao mesmo tempo, criativo e nutritivo. Nos preocupamos com todo o processo de concepção, desde a escolha de fornecedores até a hora de a receita ser servida. Aliamos técnicas à cozinha afetiva, que é a grande marca da mineiridade, e o resultado é um cardápio que abraça e surpreende'', explica Thiago Ramos, da Favo.

Os preços variam, dependendo do dia da semana e do horário. De segunda a sexta, o café da manhã (de 9h às 12h) custa R$35. e o almoço (de 12h às 15h) sai por R$48. O cliente pode optar pela diária, que custa R$71. No final de semana, o preço do café da manhã é R$42, e o do almoço R$62. Membros do coworking e da comunidade do Guaja têm 10% de desconto no cardápio mesa posta.

Serviço
Guaja
Avenida Afonso Pena, 2881, Funcionários.