FecharX

Tudo o que você precisa saber sobre a 5ª edição do Fuegos Festival

Parque da Gameleira receberá neste sábado assadores e chefs premiados de todas as regiões do país durante 8 horas de open food e open bar



Créditos da imagem: Nereu Jr.
Main whatsapp image 2023 05 16 at 09.10.04
Ao todo, o festival terá 33 estações com 8 horas de open food e open bar de cervejas especiais, água e refrigerantes
Redação Sou BH
16/05 às 09:10
Atualizado em 19/05 às 09:25

O Parque da Gameleira, em Belo Horizonte, vai receber a 5ª edição do Fuegos Festival neste sábado (20/5), das 14h às 22h. O evento reúne assadores e chefs premiados de todas as regiões do Brasil que serão desafiados a utilizarem de seus instintos mais primitivos para preparar diversos alimentos, tendo o fogo como elemento central e único método de cocção. Ao todo, o festival terá 33 estações com 8 horas de open food e open bar de cervejas especiais, água e refrigerantes. 

Assadores e chefs confirmados

Em espaços ao ar livre, o público poderá interagir e conferir de perto os assadores e chefs preparando e servindo insumos nobres, desde peixes, aves, cortes bovinos e suínos diretamente no calor da lenha, em parrilla, defumador, rotisserias,  fogo de chão ou até pendurados sobre as chamas. Serão saboreados galetos, costelas, steaks, frutos-do-mar, massas, entre outros, além de frutas e hortaliças orgânicos chamuscadas.

Entre os nomes confirmados para assumir as parrillas, grelhas, panelas, espetos e fogões estão o chef e apresentador Jimmy McManis, ou Jimmy Ogro, como ficou conhecido o proprietário do BistrOgro, no Rio de Janeiro; o chef e especialista em churrasco Bruno Salomão, do canal no YouTube “Cansei de ser Chef” e da série gastronômica “Vai Ter Churras”; a chef Heaven Delhaye, à frente das casas D'Heaven, Nonna per Heaven e Heaven Cucina; e Léo Paixão, chef mineiro com os prêmios mais importantes na gastronomia e que comanda as casas Glouton, Ninita, Nicolau Bar da Esquina e Mina Jazz Bar — todos em Belo Horizonte. Além deles, outras 32 estrelas da gastronomia confirmaram presença no Fuegos.

Selo de Qualidade Fuegos

Segundo Marcelo Wanderley, curador e idealizador do festival, além dos alimentos, todos os utensílios utilizados, desde as ferragens, embalagens, carvão, lenha e estruturas, contam com o Selo de Qualidade Fuegos, uma rigorosa curadoria realizada ao longo de meses por uma equipe multidisciplinar para garantir a excelência do evento, que reúne grandes marcas da gastronomia nacional e internacional, como Tabasco, Jack Daniel's, Construflama e Panela Mineira. “O Fuegos 2023, além de ter a obrigação de manter a qualidade das edições passadas, tem o propósito de a cada edição ser maior e ainda melhor para o público. É um desafio, mas temos que manter a chama alta e promover uma experiência ímpar para a nossa exigente comunidade do fogo, valorizando cada instante e incendiando a paixão pelo sabor em todas as estações”, explica. 

Bebidas para todos os gostos

Para harmonizar os pratos, o evento terá a variedade e a qualidade artesanal das cervejas Eisenbahn, cervejaria oficial do Fuegos. O público poderá escolher entre os diversos rótulos, como Pale Ale, Pilsen Unfiltred, Session IPA e American IPA.

Também haverá um whisky bar da Jake Daniels, um wine bar montado pela Del Maipo, com uma estrutura com mesas e cadeiras, a discoteca “O GIN, The Experience”, onde o público poderá desfrutar de diversos preparos do destilado, vencedor de diversos prêmios internacionais, ao som dos DJs Leandro Rallo e Expeto, ambos residentes do Fuegos. 

Programação musical e cultural

A animação também está garantida no palco principal com a Fuegos Rock Band, que terá o chef Léo Paixão como guitarrista e contará com a participação de outros músicos de destaque da capital mineira. Também se apresentam as bandas Motoca e os Acelerados, com os mais marcantes e aclamados hits do rock nacional, e Classic, trazendo os sucessos internacionais do rock alternativo. No coreto central do evento, a DJ Ana Jablonsk comanda as pick-ups.

Além das bebidas, comidas e atrações musicais, o Fuegos incluiu em sua programação uma mostra de live painting (pintura ao vivo), com os artistas Franklin Brito e Ans Rallo; teatro com a Trupe Gaia; estúdio de tatuagem Dr. Tatoo, barbearia Blackwood Barbershop e a tradicional Fuegos Store, com camisas, bonés, carteiras e aventais.

Área Kids gratuita

Para a criançada, o Fuegos reservou uma Área Kids gratuita patrocinada pela Itambé com monitores e diversas atividades. Sucesso na última edição, o passeio de pônei está mantido para este ano. Todos os passeios serão feitos com acompanhamento de um tratador, que conduz o pônei pelo caminho determinado. Os animais chamam atenção pelo tamanho e prometem fazer a alegria dos pequenos. Em tempo, crianças com até 10 anos acompanhadas dos pais ou responsáveis não pagam a entrada ao festival.

Conforto e comodidade

Com foco no conforto e na comodidade, o evento contará com o estacionamento do Expominas, centenas de mesas e cadeiras e os banheiros serão no formato containers premium, com equipes de limpeza executando a higienização durante todo o festival.

Turismo gastronômico

Para fomentar o turismo gastronômico em Belo Horizonte e atrair visitantes de outras cidades e estados, o Fuegos, além de promover o encontro de chefs de todas as regiões do país, fechou uma parceria exclusiva com o Novotel Savassi. Ao adquirir o ingresso do Festival, o cliente garante condições especiais para se hospedar no Novotel e no Budget Savassi. 

"O Fuegos tem o propósito de servir como ponto de convergência dos fazedores da gastronomia de Belo Horizonte, de Minas Gerais e de todas as partes do Brasil. Ao trazermos assadores e chefs de todos os cantos do país, ajudamos a desenvolver o turismo gastronômico da capital mineira", afirma Marcelo Wanderley.

O Fuegos tem patrocínio da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, da Construflama e tem como hotel oficial o Novotel Savassi.

Entrevista com Marcelo Wanderley

Qual é a expectativa de público para o Fuegos Festival? 

A expectativa de público para a 5ª edição do Fuegos é de 3.500 pessoas, sendo 600 turistas que já adquiriram ingressos de forma antecipada. Também está prevista a chegada nos próximos dias de aproximadamente 200 colaboradores de outras cidades e estados para trabalharem no Fuegos. Todo o planejamento para o festival dura 4 meses e, no mês de sua realização, emprega de forma direta e indireta 780 colaboradores.

Existe alguma estimativa sobre quanto o festival poderá gerar para o turismo da cidade?

O Fuegos tem o propósito de servir como ponto de convergência dos fazedores da gastronomia de Belo Horizonte, de Minas Gerais e de todas as partes do Brasil. Ao trazermos assadores e chefs de todos os cantos do país, ajudamos a desenvolver o turismo gastronômico da capital mineira. O turista que vem para o Fuegos, que será realizado no sábado (20), tem como característica desembarcar na capital mineira na quarta-feira e ficar hospedado na cidade até domingo, período em que, normalmente, visita os pontos turísticos de BH e frequenta os bares e restaurantes. Então, além de ajudar a movimentar a cena gastronômica de Belo Horizonte, o Fuegos também contribui para a ocupação dos leitos dos hotéis, em especial o Novotel Savassi e o Ibis Budget Savassi, estabelecimentos que possuem parceria com o Fuegos com descontos exclusivos para os clientes de fora de Belo Horizonte.

O que essa edição terá de diferente na comparação com as anteriores?

O grande diferencial desta edição para a anterior é reunir assadores e chefs de todas as regiões do Brasil, de Norte a Sul, promovendo esse delicioso intercâmbio culinário das mais distintas e ricas cozinhas. Para dar alguns exemplos, teremos o Bruno Salomão, do Maranhão, que vai preparar uma paçoca de farinha d’água com carne de lata; o Saulo Jennings vai cozinhar um arroz Tapajônico de frutos do rio e o Jimmy Ogro, do Rio de Janeiro, irá fazer uma moqueca de porco. Todos esses chefs e assadores serão desafiados a utilizarem de seus instintos mais primitivos para preparar diversos alimentos, tendo o fogo como elemento central e único método de cocção.

Serviço
5ª edição do Fuegos
20 de maio (sábado), das 14h às 22h
Parque de Exposições da Gameleira - Av. Amazonas, 6020, Gameleira, Belo Horizonte
Saiba mais em @fuegosfestival