FecharX

Dia da Pizza: confira versões diferentonas da redonda em BH

Sou BH preparou uma lista de pizzas com ingredientes e formatos inusitados



Créditos da imagem: Divulgação
Main borda vulcao  23
Uma das pizzarias mais tradicionais de Belo Horizonte, a Mangabeiras oferece a opção de borda vulcão nas redondas tamanhos grande (a partir de R$ 69,90) e gigante (a partir de R$ 72)
Thiago Alves
10/07 às 07:08
Atualizado em 10/07 às 07:16

Neste sábado (10) é comemorado em boa parte do Brasil o Dia da Pizza. A data não existe no calendário oficial de Belo Horizonte, muito menos no de Minas Gerais ou no das Nações Unidas. Ela foi criada por Caio Luiz Cibella, então secretário de turismo do governador de São Paulo, Franco Montoro. E ele escolheu 10 de julho por ser justamente o dia do seu aniversário. Mesmo tendo sido criada como um capricho de Cibella, o Dia da Pizza é celebrado extraoficialmente.

A redonda, que chegou ao Brasil junto com imigrantes italianos no século XIX, sofreu algumas adaptações para conquistar os paladares brasileiros. Com massa grossa, fina, bordas recheadas ou não, a redonda consumida por aqui tem sabores e formatos diversos, podendo ser a tradicional, de metro e até de bordas altas. Cada pizzaria tem seu segredo e sua receita, incluindo no cardápio variedades gourmet e pizzas doces. Para celebrar — mesmo que extraoficialmente — o Dia da Pizza, o Sou BH selecionou estabelecimentos que servem versões diferentonas da redonda. Confira.


Borda vulcão da Pizzaria Mangabeiras

Uma das pizzarias mais tradicionais de Belo Horizonte, a Mangabeiras, com unidades espalhadas pela cidade, oferece a opção de borda vulcão nas redondas tamanhos grande (a partir de R$ 69,90) e gigante (a partir de R$ 72). Para a primeira, o acréscimo é de R$ 15 e na segunda sai a R$ 17. Destaque para a pizza bela parma, que leva molho de tomate, mussarela, cream cheese, presunto parma e geleia de damasco.


Deep dish da Giaco Pizzaria

Bordas altas, massa fina, ingredientes cobertos pelo molho e ‘afundados’ em muito queijo. Assim é a deep dish — ou pizza de prato fundo —, tradicional da cidade de Chicago, nos Estados Unidos. Na Giaco Pizzaria, com unidades nos bairros Gutierrez e Ouro Preto, a deep dish é vendida a partir de R$ 44,30.


Porconóbis da Parada do Cardoso

A tradicional pizzaria Parada do Cardoso, com unidades no Santa Tereza e Cidade Jardim, tem em seu cardápio a exótica porconóbis, que leva mussarela, costelinha de porco ao barbecue, linguiça calabresa, cebola, pimenta biquinho, orégano e ora-pro-nobis, uma trepadeira bem típica em Minas e facilmente encontrada nos quintais em Sabará, cidade vizinha a Belo Horizonte. Ela vem em dois tamanhos: pequena (R$ 54) e grande (R$ 74).


Camarão crocante da Marília Empório e Forneria

Entre as 26 opções de pizza da casa, o destaque é para a redonda de camarão crocante. Vendida somente no tamanho grande (R$ 89) e preparada em forno a lenha, a pizza leva 12 camarões crocantes, mussarela e catupiry ao molho de pomodori pelati com camarão. 


Meio metro da Bitela Pizza

Com 16 fatias, a pizza meio metro da Bitela, que possui unidades nos bairros Buritis, Barreiro, Floresta e Pampulha, custa a partir de R$ 69,90 e o cliente pode escolher até quatro sabores, como os tradicionais calabresa e margherita e ousados churros e hot-dog.