FecharX

O que que o Floresta tem?

Bairro centenário que abriga casarões, praças, escolas



Créditos da imagem: Charles Tôrres
Main 132521 floresta
Floresta é um bairro tradicional de BH localizado na região leste da capital
Redação Sou BH
15/06/15 às 00:17

Por Camila de Ávila, jornalista Sou BH

Localizado na região leste de BH, o bairro Floresta tem charme e belezas singulares. Casarões antigos ao lado de prédios modernos, árvores centenárias, praças, escolas e tradição cultural. O Sou BH convocou seus usuários para responderem: “O que que o Floresta tem?”.  E, como disse a usuária, Cida Souza, “O Floresta tem tudo, até Lobo Mau”. 

O Floresta é um bairro de classe média que nunca sofreu nenhuma invasão. É tratado com muito respeito pois, andando por suas ruas, é possível ver parte da história da capital. No início, ele era o subúrbio, local onde moravam os operários que trabalharam na construção de BH. Era cheio de chácaras e, por isso, foi o responsável, durante algum tempo, pelo abastecimento hortifrutigranjeiro de BH. A Praça Comendador Negrão de Lima, atrás da padaria e confeitaria Colombina, está no lugar onde era a sede da chácara da família Negrão Lima, responsável por grande parte dos alimentos daquela época. Estão no Floresta as duas únicas ruas que não mudam de nome quando saem do perímetro da Avenida do Contorno: Itajubá e Conselheiro Rocha.

Lembradas por Olavo Batista, a Balas Lalka, fundada em 1925, é a primeira fábrica de balas da cidade, e a sorveteria Universal, desde 1932, uma das mais antigas da cidade. Além disso, o bairro carrega tradição e arte, pois está no Floresta a sede o Giramundo,  grupo que mantém permanente postura de pesquisa, pela criatividade e apuro técnico de suas montagens e pela constante relação com a cultura brasileira na área do teatro de bonecos.

No bairro tem três viadutos, o da Floresta, que sai da Avenida do Contorno, o da Avenida Francisco Sales, conhecido como Viaduto do Extra, e o mais famoso, o Santa Tereza, por onde andaram em seus arcos Carlos Drummond de Andrade, Noel Rosa e Fernando Sabino, e muitos outro anônimos. Os usuários José Lopes, Olavo Batista e Alaíde Rodrigues, lembram que desses viadutos é possível ter uma bela visão de BH, incluindo o pôr do sol. Da rua Sapucaí também é possível contemplar uma bela vista da cidade!

Maria Aparecida Cardoso diz que o bairro tem “tanta coisa boa, além de ser um ótimo bairro para morar”. O Pablo Alexandre diz que “lá tem a melhor loja de bolos de BH. Bolos caseiros! A loja se chama Bolo no Forno”. Ângela Guimarães afirma que o Floresta é um bairro onde “vizinhos se tornaram amigos”, e ainda destaca: “Avenida do Contorno com suas árvores floridas , ruas arborizadas , Confeitaria Momo, Praça do Lions...”. Fernanda Campos não deixa pro menos: “O melhor bairro de todos!”.  Eugenio Silva aponta que o bairro tem “Charme, boemia, fácil acesso, gente boa e bonita”. A usuária Helenice Oliveira afirma que no Floresta tem “os melhores tatuadores”.

A Ana Carolina Chaves conta que o “Floresta é bairro família. Tradicional. Gostoso de sair sábado de manhã, passear nas praças. Sorveteria de tarde. Barzinho a noite”, é um passeio completo. Dentro da loja Casa Eure, uma das mais tradicionais de BH, com mais de 70 anos de funcionamento, tem a Instituição do Grão, segundo os usuários do Sou BH é o melhor a loja “melhor café com bolo do bairro”.

Emilly Prado, diz que no Floresta tem “amor” e Taynara Morais aponta que no bairro tem romantismo puro. Parece que ela está certa, pois o Ulisses Panta aponta que o que o Floresta tem de bom é a Fernanda Ramos Siqueira, e porque não achar espaço para o amor próprio, como Guilherme Adolfo, que respondeu:

- O que o bairro tem de bom?

- Eu.

Comentários