FecharX

Minas Tênis Clube afasta atleta Maurício Souza após declarações homofóbicas

Jogador usou o Twitter pessoal, que tem menos de 500 seguidores, para se posicionar



Créditos da imagem: Reprodução Redes Sociais
Main mauricio minas capa
A DC Comics anunciou que o novo Super-Homem, filho de Clark Kent, se descobrirá bissexual nas próximas edições das histórias em quadrinhos. Após a publicação da editora, Maurício Souza, postou a foto do Super-Homem e fez críticas à decisão da DC
Redação Sou BH
27/10 às 11:46
Atualizado em 27/10 às 11:46

O Minas Tênis Clube anunciou nesta terça-feira (26) o afastamento do atleta Maurício Souza, alvo de polêmica por acusações de comentários homofóbicos nas redes sociais. O central também foi afastado por tempo indeterminado e multado pela instituição, que exigiu uma retratação do atleta.

"O presidente do Minas Tênis Clube, Ricardo Vieira Santiago, se reuniu com o atleta Maurício Souza e lhe informou sobre o seu afastamento por tempo indeterminado. O atleta também recebeu uma multa e foi orientado a fazer uma retratação pública imediata", publicou o clube no Twitter.

Em seguida, o clube fez uma nova postagem em que reforça "que não aceita e não aceitará manifestações intolerantes, racistas, preconceituosas e homofóbicas, e que intensificará campanhas internas em prol da diversidade, respeito e união, por serem causas importantes e alinhadas com os valores institucionais".

O jogador usou o Twitter pessoal, que tem menos de 500 seguidores até às 8h35 desta quarta-feira (27), para se posicionar. As postagens homofóbicas do atleta haviam sido feitas no Instagram, onde ele tem mais de 250 mil seguidores. Até o momento, o jogador não apagou as mensagens homofóbicas.

"Pessoal, após conversar com meus familiares, colegas e diretoria do Clube, pensei muito sobre as últimas publicações que eu fiz no meu perfil. Estou vindo a público pedir desculpas a todos a quem  desrespeitei ou ofendi, esta não foi minha intenção", publicou o atleta.

Nesta terça-feira, os principais patrocinadores da equipe se manifestaram sobre o posicionamento do atleta. As empresas pediram, em notas separadas, "medidas cabíveis" ao clube mineiro e repudiaram as declarações homofóbicas do jogador.

Entenda o caso

A DC Comics anunciou que o novo Super-Homem, filho de Clark Kent, se descobrirá bissexual nas próximas edições das histórias em quadrinhos. O assunto, que foi um dos mais comentados do Twitter no dia da divulgação, também movimentou a comunidade do voleibol brasileiro. Após a publicação da editora, Maurício Souza, postou a foto do Super-Homem e fez críticas à decisão da DC.