FecharX

Uso de máscaras deixa de ser obrigatório em locais fechados em Minas Gerais

Novas regras anunciadas por Zema vai depender de adoção dos municípios



Créditos da imagem: Tânia Rego/Agência Brasil
Main t%c3%a2nia rego   ag%c3%aancia brasil
Redação Sou BH
27/04 às 10:44
Atualizado em 27/04 às 10:44

A partir de domingo (1°/5), o uso de máscaras de proteção em locais fechados não será mais obrigatório em Minas Gerais. A medida foi publicada pelo governador Romeu Zema, nesta quarta-feira (27), em suas redes sociais. Na semana passada, o secretário de Saúde, Fábio Baccheretti, já tinha anunciado a possibilidade do fim da obrigatoriedade. Apesar do anúncio do governador, a prefeitura de cada município tem o poder de decidir se o uso da proteção será realmente desobrigado. 

"A partir de 1º de maio, está desobrigado o uso de máscaras em locais fechados em Minas. Com o avanço da maior operação de vacinação da história de Minas, depois de mais de 2 anos de pandemia, o sorriso dos mineiros poderá de novo ser mostrado pra todo o mundo", escreveu Zema no Twitter.


No último boletim divulgado pelo governo, a cobertura de vacinação em Minas Gerais está em 83% da população acima de 5 anos com as duas doses, e 56,8% da população acima de 18 anos com a dose de reforço.