FecharX

Teriacafé Cafeteria permite aos clientes coar o próprio café

Casa inaugurada este mês no dentro do Museu MM Gerdau tem opções de almoço, brunch, jantar e drinks



Créditos da imagem: Bruna Brandão
Main brunabrandao 04697
De terça à sexta é oferecido almoço, das 11h30 às 14h, cujo cardápio é postado diariamente no Instagram. A experiência engloba petisco, entrada, prato principal e sobremesa. No sábado é servido um brunch, que inclui espumante
Redação Sou BH
30/09 às 10:15
Atualizado em 30/09 às 10:17

Inaugurada neste mês dentro do Museu MM Gerdau, na Praça da Liberdade, a Teriacafé Cafeteria é como o próprio nome diz, um convite às possibilidades. Teria café? Café teria! Além de servir a bebida somente com grãos especiais moídos no local, vindos de pequenos produtores da Serra da Mantiqueira, do Cerrado e da Zona da Mata, o espaço se transforma de acordo com o uso e a necessidade de cada visitante.

"O nosso desejo é o de que as pessoas que venham nos visitar sintam-se à vontade e criem a sua própria experiência. Aqui você pode coar o seu próprio café, organizar as mesas e cadeiras do jeito que melhor lhe atender e realocar biombos de acrílico criando sua própria sala de reunião, adquirindo privacidade ou possibilitando um encontro seguro com um amigo nesse momento em que ainda precisamos manter as medidas de proteção contra a covid-19", explica Pedro Romero, idealizador da Teriacafé Cafeteria.



Variada, a carta de cafés tem curadoria de Jussara Paim e Janine Avelar, da Caneca Sincera, e tem opções de versões da bebida quente e gelada. Já as comidas oferecidas são todas produzidas pela equipe da casa e pelos familiares deles, com sabores brasileiros e estrangeiros, tendo como inspiração os lugares pelos quais eles já visitaram.

De terça à sexta é oferecido almoço, das 11h30 às 14h, cujo cardápio é postado diariamente no Instagram. A experiência engloba petisco, entrada, prato principal e sobremesa. No sábado é servido um brunch, que inclui espumante.

A partir do dia 16 de outubro, o brunch será servido no terraço do museu, onde é possível ter uma vista maravilhosa da Praça da Liberdade e seus arredores, proporcionando uma experiência singular.



Nesta quinta-feira (30), o menu de almoço foi preparado para quem é fá de carne. O aperitivo é a crepioca com presunto e molho rosé. De entrada, salada de bacon. O prato principal é um medalhão de pernil com arroz cremoso e telha de panki. Para fechar a refeição, sorvete de laranja. Hoje também é dia de happy hour na casa.

O horário de funcionamento da cafeteria segue o do museu, até às 21h. No período noturno há sempre um DJ ou artista convidado para animar a noite e são servidos drinks, todos feitos com cachaças mineiras, além de pratos diferentes dos preparados no almoço, como o “Fish and Chips” e “Arancini”, carinhosamente apelidado pela casa como "Aranciminas".

O idealizador e responsável pela Teriacafé Cafeteria é o artista e empresário Pedro Romero, já conhecido da cena belo-horizontina por outros empreendimentos, como o bar Zona Last, que funcionou no Santa Tereza e pelo do bar do Teatro Sesiminas, o “B.ar Boteco de Arte”.